You are currently viewing Comprar texto para blog: Onde? Como? Vale a pena?

Site no ar, campanhas de Ads rodando, estratégia de mídias sociais indo de vento em polpa e, infelizmente, o custo por lead só aumenta!

Essa é a realidade de grande parte das empresas que já têm uma sólida atuação no digital mas ainda não contam com uma eficaz estratégia de conteúdo otimizado para SEO.

Isso acontece porque somente através de conteúdo de valor otimizado para SEO é que é possível escalar o número de visitantes do site, aumentar a taxa de conversão e gerar novos leads com um investimento bem abaixo da média do que em campanhas de Google Ads.

Para ter resultados com o SEO, muitas empresas investem no bom e velho blog, tornando este um local central de geração e distribuição de conteúdo de valor.

Comprar texto para blog, portanto, é uma forma de gerar tráfego qualificado para o site e potencializar os resultados online.

Fique até o final deste post pois iremos investigar, com detalhes, as formas onde é possível adquirir artigos para seu blog, além de avaliar a viabilidade e as principais maneiras de fazê-lo.

Vale a pena comprar texto para blog?

A primeira grande questão que é preciso responder é se vale a pena comprar textos para blog. Nesse sentido, precisamos avaliar alguns quesitos que, naturalmente, podem variar bastante de uma empresa para outra.

Em linhas gerais, empresas interessadas na compra de textos para a manutenção de um blog de conteúdo devem observar 4 fatores: investimento, capacidade comercial, estratégia de marketing e confiabilidade.

Vamos abordar cada uma dessas questões:

Investimento

O valor desembolsado para colocar uma estratégia de marketing de conteúdo no ar deve ser considerado.

Blogs alimentados com textos atualizados tendem a gerar um alto tráfego de visitantes para o site, mas em um período de médio e longo prazo.

Isso significa que, embora mais barato que o Google Ads, a estratégia de conteúdo em blogs exige um tempo maior de espera para que os resultados comecem a aparecer.

Ainda neste texto nós vamos citar as principais maneiras de se obter textos para blog e os custos envolvidos, de modo que você consiga analisar qual opção está mais de acordo com a realidade da sua empresa.

Capacidade comercial

Além do fator monetário, a capacidade da empresa de atender maiores demandas de contatos também precisa ser bem observada.

Com a produção de conteúdo, o tráfego de potenciais clientes aumentará no site, influenciando na geração de leads e em contatos passivos que buscarão a empresa.

Para lidar com tal demanda será preciso uma equipe comercial muito bem preparada e numerosa. O investimento em textos para blog deve, portanto, observar a capacidade comercial da empresa que está pensando em adotar tal estratégia.

Estratégia de marketing

Antes de comprar textos para blog é importante, também, observar se isso está de acordo com o plano geral de marketing.

Por melhores que sejam as ações individualmente, estas nunca devem ser tomadas sem considerar o macro plano de marketing, pois tudo deve convergir para os objetivos gerais definidos pela gestão.

A produção de conteúdo, por exemplo, deve integrar um plano maior que conte com ações claras e específicas para engajar e converter o cliente potencial.

Além disso, os textos só cumprirão sua função estratégica se forem corretamente orientados para o público-alvo da empresa, que é definido no plano de marketing.

Confiabilidade

Por fim, é preciso analisar o fator confiabilidade, ou seja, na hora de comprar textos para blog, é essencial garantir a confiabilidade de quem ou da empresa que você está comprando.

Entre no site, confira referências, consulte avaliações no Google e em redes sociais, verifique a lista de clientes atendidos e entre nesses blogs. Além disso, faça textos de teste, para conferir a qualidade do material entregue.

Como comprar texto para blog? 

Para comprar texto para blog há várias opções disponíveis, mas todas precisam ser muito bem analisadas para que estejam de acordo com aquilo que sua empresa busca e precisa.

Vale destacar, ainda, que os valores vão mudar bastante entre as formas de contratação abaixo, bem como a qualidade do serviço entregue e o prazo disponível.

Se você está com urgência e precisa de textos o mais rápido possível, talvez comprar textos para blog de freelancers seja a melhor opção, no entanto o prazo apertado pode significar perda na qualidade do conteúdo.

Você vai entender, também, que agências de conteúdo acabam por representar um investimento mais seguro e com funcionalidades que outros métodos não podem oferecer.

Confira, a seguir, as três principais formas de comprar texto para blog:

Redatores profissionais e freelancers

Você pode, por exemplo, encontrar redatores profissionais de conteúdo que fazem texto para blog de forma freelancer.

Para encontrá-los, uma boa opção é utilizar redes corporativas, como o LinkedIn, ou então buscar sites especializados em freelancers, como o 99freelas.

O problema dos freelancers contratados por conta própria é a insegurança, já que existe pouca segurança da qualidade do serviço entregue, da velocidade e etc.

Nesse sentido, muitos gestores de empresas ou de setores de marketing reclamam de textos produzidos por freelancers independentes que não tem comprometimento, gerando atrasos e até mesmo não realizando a entrega dos textos combinados.

Há, ainda, muitas pessoas que agem de má fé, produzindo textos de má qualidade e que acabam não gerando os leads pretendidos, fazendo com que a empresa jogue dinheiro no lixo.

Agências de conteúdo

Há, ainda, as agências de conteúdo, que são empresas que produzem conteúdos que poderão ser utilizados e postados nos blogs corporativos.

Por tratar-se de um trabalho mais formalizado, com contrato, prazos e valores muito bem estabelecidos, as agências de conteúdo são formas mais seguras de comprar texto para blog.

No entanto, um problema associado a essa modalidade de contratação está no preço.

A maioria das agências de conteúdo cobram valores exorbitantes por texto produzido, repassando valores mínimos para os redatores.

Isso acaba fazendo com que tais agências não consigam entregar textos com a qualidade devida, tornando o investimento pouco vantajoso para as empresas.

No entanto, existem opções no mercado que conseguem driblar esses dois problemas. É o caso do Texto Para Blog que, além de cobrar valores mais acessíveis, repassa grande parte desses valores para os redatores, garantindo textos de maior qualidade e profundidade técnica.

Você poderá conhecer as principais opções de agências de conteúdo ainda neste texto.

Time de conteúdo próprio

Mas além da contratação de freelancers por conta própria e agências de conteúdo, também há a opção de investir em um time de conteúdo próprio.

No final das contas, essa também é uma forma de comprar textos para blog, já que o salário mensal é o pagamento pelos textos produzidos no período.

Algumas empresas optam por isso para conseguir um maior nível de especificidade nos textos, bem como para ter os profissionais mais próximos, garantindo a qualidade dos textos entregues.

No entanto, aqui surgem alguns problemas, como a dificuldade de gerir um time de conteúdo próprio, a falta de demanda para justificar um funcionário alocado na empresa e dedicado para este fim e a ausência de uma visão estratégica na definição de pautas e palavras-chave.

Algumas empresas, ainda, cometem o erro de buscar contratar um super profissional, que recebe diversos encargos e exigências, acumulando funções como a produção de conteúdo para blog, mídias sociais, resposta a directs, redação de e-mails e etc.

O resultado? Um profissional sobrecarregado e que não consegue desempenhar o trabalho com maestria, além de gerar altos custos para a empresa.

Onde comprar texto para blog?

Como ficou evidenciado, a melhor opção para comprar texto para blog é através de agências de conteúdo, mas com a necessidade de dar atenção a dois pontos essenciais: o preço e a qualidade do conteúdo.

A seguir, vamos mostrar as principais opções do mercado para compra de texto para blog, considerando a estrutura geral de cada agência e plataforma, bem como preço e qualidade do conteúdo entregue. Confira:

Rock Content

Uma das plataformas mais tradicionais nesse meio, a Rock Content, conta com um histórico de grandes empresas atendidas e um grande número de freelancers especialistas em diversas áreas.

Basta uma pesquisa rápida no Google, no entanto, para verificar duas reclamações muito constantes: a primeira, diz respeito aos redatores, que se sentem pouco valorizados, recebendo pagamentos baixos pelos textos produzidos.

A segunda reclamação diz respeito às empresas, que por vezes não se sentem satisfeitas com a qualidade do conteúdo recebido.

Não obstante tudo isso, a empresa consegue oferecer conteúdos educacionais excelentes, bem como soluções que podem ajudar organizações quando o assunto é produção de conteúdo.

RedaWeb

A RedaWeb é uma das maiores agências de conteúdo do país, com um belo histórico de conteúdos produzidos para empresas de diversos nichos e tamanhos.

O sistema de compra de texto para blog é bastante simplificado: basta escolher um plano, realizar o pagamento e em até 10 dias úteis o primeiro conteúdo já será entregue e disponibilizado para publicação.

Ao contrário da Rock Content, a RedaWeb divulga o preço de seus planos, com um custo médio de R$97 por mês por post de blog.

Meu Redator

O site Meu Redator conta com diversos redatores disponíveis para escrever a respeito de vários assuntos. As avaliações dos clientes são muito positivas e o processo de contratação é simplificado.

Os preços não estão disponíveis para consulta, mas a média é bem próxima ao RedaWeb e outras agências semelhantes.

Meu Redator oferece suporte via WhatsApp, plataforma, chat e e-mail. Há, no entanto, reclamações na internet de demora nas respostas aos clientes.

Redator Online

A plataforma Redator Online é bem semelhante às demais citadas. Nos canais oficiais afirma ter mais de 4 mil clientes, no entanto apresenta um site limitado e com um layout que desperta sérios questionamentos sobre o profissionalismo da empresa.

O preço dos serviços também está bem próximo a todos os outros citados até aqui.

Texto Para Blog

Por fim, vale destacar o Texto Para Blog, uma agência de conteúdo que, por meio de sua plataforma, possibilita que empresas de todos os nichos solicitem e recebam conteúdos de valor alinhados à estratégia de marketing.

Com um cumprimento rigoroso de prazos, comprar texto para blog na plataforma tem o menor custo entre todas as outras empresas citadas até aqui.

Além disso, a qualidade do conteúdo também é um destaque, já que o Texto Para Blog conta com um rigoroso processo de revisão que avalia não apenas a ortografia, mas quatorze pontos técnicos que influenciam diretamente nos resultados orgânicos.

Para a produção de cada texto, o redator terá acesso a uma ficha completa com informações sobre a empresa.

O tamanho mínimo de cada post é de 900 palavras, uma quantidade superior à de todas as empresas citadas até aqui, tendo por consequência melhores resultados no ranqueamento orgânico.

O que fazer para comprar texto para blog?

Para comprar texto para blog será preciso entrar em contato diretamente com as agências de conteúdo. O processo de contratação na maioria das agências é muito longo, pois exige entrar em contato e solicitar orçamentos para, somente depois, conseguir oficializar a contratação.

No caso do TextoparaBlog.com esse processo é bem mais rápido e objetivo (além de mais barato e com qualidade garantida).

Basta preencher o formulário e, em pouquíssimo tempo, nossos especialistas entrarão em contato com você para conversar sobre as possibilidades para o seu blog.

Já nessa conversa, você poderá criar o briefing da sua empresa, criar suas personas e pautar o seu primeiro texto.

Marcos Favero

No marketing de conteúdo desde 2018, minha atuação profissional é marcada pela flexibilidade, já que consigo escrever para mercados diversos e distintos, como agronegócio, desenvolvimento pessoal, tecnologia, marketing, finanças, espiritualidade e muito mais!